Domingo, 1 de Março de 2009

O voar dos 15 anos

Quando era jovem conseguia voar sem asas, claro que só em sonho, mas a forma como o fazia era algo de extraordinário, passava por cima de casas, oliveiras, estradas, mas nunca avistava pessoas pelo caminho.

Hoje consigo compreender essa total liberdade, mas já não consigo voar e entendo que tudo tem a ver com a idade.

Quando somos jovens temos a inocência das coisas da vida e só a pouco e pouco vamos assumindo responsabilidades que nos tiram a leveza de voar.

 

publicado por JGaspar às 22:25

link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De Anónimo a 2 de Março de 2009 às 21:07
...acho que sempre voei sem asas, enquanto a realidade teima em me mostrar, que a total liberdade é utopia...até com 15 anos...ou não me lembro de o sonhar?

...e se "o sonho é uma constante da vida"...ainda que a falta de leveza me prenda a um Chão ...resta-me um bater de asas...um correr...um caminhar...
De Ana do Sérgio a 8 de Março de 2009 às 21:54
Sabes que o VOO é comigo.
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

Sabes que o VOO é comigo. <BR class=incorrect <a name="incorrect">Nao</A> sei se já comentei contigo o porque ? do nome borboleta e de gostar tanto delas, do seu voo, da sua atitude de animal. <BR>Sabes que o meu pai já fez o Voo dele desta Vida, deste Voo terrestre( sinto que está comigo e tenho fé de me encontrar pele na pele com ele). Ele ( Pai) é que me chamava a mim ( Filha), de borboleta: " Ai a minha borboleta" dizia ele com um olhar enternecido, dai este meu Amor eterno. <BR>Também Voo muito, mesmo muito. <BR>Sonho com um Mundo melhor, onde as flores deixem elevar sempre os seus perfumes. <BR>Voo em sonhos com pessoas, de forma a que sejam leais e honestas. <BR>Voo no caracóis do meu grande companheiro de Vida, de forma a que nos mantenhamos num planar lado a lado, sem desilusões e com os desafios no horizonte <BR>À que me chame de melancólica, mas não faz mal. Apanho bem a toalha do chão, pois quero é Viver e fazer o meu Voo de Vida com um sorriso nos lábios. <BR>Por isso, apesar das responsabilidades em cima das asas, tenta apanhar de novo esse teu Sonho tão bonito. <BR>Estou aqui, se precisares de um empurrão. <BR>Beijos leves.
De Ana do Sérgio a 8 de Março de 2009 às 21:59
Sabes que o VOO é comigo.
Não sei se já comentei contigo o porque ? do nome borboleta e de gostar tanto delas, do seu voo, da sua atitude de animal.
Sabes que o meu pai já fez o Voo dele desta Vida, deste Voo terrestre( sinto que está comigo e tenho fé de me encontrar pele na pele com ele). Ele ( Pai) é que me chamava a mim ( Filha), de borboleta: " Ai a minha borboleta" dizia ele com um olhar enternecido, dai este meu Amor eterno.
Também Voo muito, mesmo muito.
Sonho com um Mundo melhor, onde as flores deixem elevar sempre os seus perfumes.
Voo em sonhos com pessoas, de forma a que sejam leais e honestas.
Voo no caracóis do meu grande companheiro de Vida, de forma a que nos mantenhamos num planar lado a lado, sem desilusões e com os desafios no horizonte.
À que me chame de melancólica, mas não faz mal! Apanho bem a toalha do chão, pois quero é Viver e fazer o meu Voo de Vida com um sorriso nos lábios.
Por isso, apesar das responsabilidades em cima das asas, tenta apanhar de novo esse teu Sonho tão bonito.
Estou aqui, se precisares de um empurrão.
Beijos leves.

Comentar post

.José Gaspar

.pesquisar

 

.Março 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. O dom

. O voar dos 15 anos

. Carnaval 2009 em Santarém

. Homenagem ao Campino "Zé ...

. Aldeia da Barreira da Bic...

. Hospitalizado

.arquivos

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Setembro 2008

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Não gosto nada da mudança...

blogs SAPO

.subscrever feeds